Últimas Notícias | 21 de junho de 2021

Ano 14, Edição 039.


“A tecnologia agora permite que as pessoas se conectem a qualquer momento, em qualquer lugar, a qualquer pessoa no mundo, a partir de praticamente qualquer dispositivo. Isso está mudando drasticamente a maneira como as pessoas trabalham, facilitando a colaboração 24/7 com colegas separados por fusos horários, países e continentes.”

(Michael Dell, fundador e CEO da Dell Inc.)


Leia agora em nosso boletim:


Seis fatores determinantes para trabalhar em casa

Inverno inicia oficialmente hoje

Grupo Pardini compra laboratório no Pará e quer reforçar atuação no Norte

Reputação da marca através de relacionamento

Cinco fatos do Agro para acompanhar em julho


Seis fatores determinantes para trabalhar em casa

A pandemia de covid-19 fez com que concentrássemos em novas formas de organizar nosso trabalho. Mais e mais empresas e organizações em todo o mundo estão considerando como atender à demanda de flexibilidade de seus funcionários e, ao mesmo tempo, reduzir seus custos evitando aluguéis caros de escritórios por meio do teletrabalho. Existem vantagens e desvantagens em trabalhar em casa e muitos fatores que afetam a experiência das pessoas nesse tipo de trabalho, tais como a função desempenhada, a idade e a antiguidade na empresa, se as pessoas têm filhos, se são gerentes ou executores, etc. Para tentar auxiliar as empresas e funcionários a se decidirem sobre os caminhos a tomar, pesquisadores identificaram seis áreas principais nas quais os gerentes das empresas devem se concentrar ao desenvolver estratégias para o trabalho remoto.



O estudo - "Nós examinamos os prós e os contras de trabalhar em casa entre gerentes e funcionários em empregos do conhecimento em oito países europeus. Fizemos o estudo no início da pandemia e identificamos seis áreas principais que são essenciais para a experiência de diferentes pessoas envolvidas com o trabalho de escritório remoto," disse a professora Christine Ipsen, da Universidade Técnica da Dinamarca. Há três vantagens e três desvantagens ao se adotar o chamado trabalho remoto. Os seis fatores principais podem ser usados como uma ferramenta para analisar quais desvantagens devem ser minimizadas e quais grupos no local de trabalho se beneficiam mais com o trabalho em casa. “Para a maioria das pessoas, as três vantagens superam as três principais desvantagens. A maioria das pessoas acha que trabalhar em casa traz benefícios em termos de melhor equilíbrio trabalho e vida pessoal, maior eficiência e mais controle sobre o próprio trabalho”, concluiu Ipsen.


Vantagens do trabalho em casa

  • Melhor equilíbrio entre trabalho e vida pessoal.

  • Maior eficiência, em parte devido a menos interrupções, menos reuniões e menos perda de tempo.

  • Mais controle sobre o próprio trabalho, pausas sempre que necessário, menos interferências.


Desvantagens do trabalho em casa

  • Limitações do trabalho remoto - por exemplo isolamento, mais tempo na frente da tela.

  • Incerteza sobre o trabalho - por exemplo quais tarefas precisam ser resolvidas, tarefas sem graça e menos significativas.

  • Ferramentas insuficientes - acesso limitado a documentos, dados, impressoras, etc.


(Texto extraído do artigo científico denominado “Six Key Advantages and Disadvantages of Working from Home in Europe during COVID-19”, dos autores Christine Ipsen, Marc van Veldhoven, Kathrin Kirchner, and John Paulin Hansen, publicado no International Journal of Environmental Research and Public Health)


Inverno inicia oficialmente hoje

O Inverno no Hemisfério Sul começou hoje às 00h32 e terminará no dia 22 de setembro às 16h21, horários de Brasília. Nesta estação, na qual ocorre queda de temperatura e diminuição do volume de chuvas e umidade relativa do ar, conforme projeções do INMET - Instituto Nacional de Meteorologia, ocorrerá uma certa neutralização de atuação do La Niña. O fenômeno tem uma probabilidade de 75% de manutenção da fase de neutralidade durante o Inverno, reduzindo as chances para 50%, durante a Primavera. Em julho, agosto e setembro as chuvas voltam a ter melhor distribuição na parcela central do país, sendo que a maior regularidade acontecerá em Setembro, dada a proximidade com a Primavera. As chuvas tendem a ficar dentro dos valores esperados para o período, exceto no Rio Grande do Sul, no interior de São Paulo e no oeste do Mato Grosso do Sul. Infelizmente as chuvas em menor escala poderão agravar a crise hídrica e energética que assola o País.


Grupo Pardini compra laboratório no Pará e quer reforçar atuação no Norte

O Grupo Pardini, referência em medicina diagnóstica e preventiva no país, formalizou a compra do Laboratório Paulo C. Azevedo, que atua no estado do Pará, pelo valor de 127 milhões de reais. A aquisição foi divulgada em fato relevante na tarde da última sexta-feira, 18. Buscando fortalecer sua atuação na Região Norte do país, a operação possibilitará a instalação imediata de um novo Núcleo Técnico Avançado para a realização de exames vindos de centenas de laboratórios parceiros da região com maior agilidade. O laboratório adquirido conta com 22 unidades localizadas em Belém e outros seis municípios, e com 600 colaboradores diretos. Referência local em análises clínicas, anatomia patológica e oncohematologia, o laboratório responde também pelo atendimento a quatro hospitais. Em 2020, realizou cerca de 4,5 milhões de exames, com receita bruta de 82 milhões de reais. (Portal Exame - Mariana Martucci)


Reputação da marca através de relacionamento

Construir a reputação da marca é processo longo, que envolve muitas etapas importantes. Com o passar do tempo, é comum que os clientes comecem a enxergar a empresa de forma específica. Essa imagem é gerada por meio das experiências, interações e atitudes compartilhadas pela empresa ao longo da sua trajetória, e nem sempre a reputação da marca é positiva no mercado. Isso acontece quando há falhas nos processos de construção de imagem. Com uma experiência ruim, a imagem que o consumidor terá da companhia não será satisfatória. Por isso o relacionamento é vital e estratégico na construção da boa reputação da marca. Confira na sequência duas dicas de como aprimorar a reputação da marca através da melhoria no relacionamento com os clientes, nesse novo tempo de transformações digitais.


A personalização e a agilidade do atendimento

A experiência dos consumidores, o que conhecem e ouvem sobre as marcas são pontos importantes e que ajudam a formar a reputação das mesmas. Por conta disso, o relacionamento é uma área essencial para companhias que buscam aprimorar a imagem no mercado. Através de atendimento personalizado, rápido e conclusivo, os clientes passarão a enxergar o negócio de forma diferenciada. A empatia gerada por um serviço de qualidade faz toda a diferença para o fortalecimento da reputação da marca. Investir em mais canais de relacionamento, como chats, bots e aplicativos de mensagens instantâneas é uma forma de dar início ao processo de transformação nesses novos tempos digitais.


Transformação digital do relacionamento

Ter canais de atendimento diversificados é importante para melhorar a experiência dos clientes e aprimorar a reputação da marca. Mas não basta ter variedade para que a transformação seja duradoura. É fundamental ter uma boa plataforma omnichannel como aliada do negócio. Por meio de um sistema completo, a companhia conseguirá tornar real todos os atendimentos dentro de uma régua única de relacionamento com canais digitais, bots, monitoramento de mídias sociais, inteligência artificial e machinelearning. Ao adotar plataforma omnichannel, a empresa poderá monitorar, gerir e solucionar demandas mais rapidamente graças à integração do fluxo de informações. Desta forma, poderá criar regras para o negócio, escalar times por especialidade, redirecionar canais de atendimento, e desenvolver rotas inteligentes por produto, assunto, motivos, etc. Todas as informações estarão em um só lugar, tornando mais fácil a identificação da origem do atendimento ou dos gargalos, visando aperfeiçoar o processo de relacionamento. Jornadas mais dinâmicas, satisfatórias e assertivas dos clientes refletirão, enfim, na boa reputação da marca. (Blog Televendas e Cobrança)


Cinco fatos do Agro para acompanhar em julho

A largada foi dada para a colheita do milho safrinha no estado do Paraná, destaca o professor Marcos Fava Neves. “A estimativa do Deral-PR - Departamento de Economia Rural do Paraná é de uma quebra de produção de 13,4% em comparação ao ciclo passado, chegando a 10,3 milhões de toneladas”, aponta ele. “A estiagem prolongada e as chuvas irregulares têm castigado as áreas do cereal, sendo que apenas 22% delas estão em boas condições, enquanto 46% e 32% se encontram em condições medianas e ruins, respectivamente”, acrescenta Fava Neves, que é titular em tempo parcial das Faculdades de Administração da USP em Ribeirão Preto e da EAESP/FGV em São Paulo, e especialista em planejamento estratégico do agronegócio.


Os preços das commodities - De acordo com ele, o boom dos preços das commodities tem puxado também o mercado de insumos: “As vendas de fertilizantes totalizaram 40,5 milhões de toneladas em 2020, apresentando crescimento de 12% frente ao ano passado e valor recorde até então, de acordo com dados da ANDA - Associação Nacional para Difusão de Adubos. O setor segue otimista para esse ano, com expectativa de comercialização de mais de 44 milhões de toneladas, sendo que as vendas antecipadas já registram 65% da demanda e com uma das relações de troca mais favorável aos agricultores”.


Cinco fatos do Agro

Confira abaixo os “cinco fatos do Agro” que, na visão do especialista, merecem ser acompanhados em julho:

  • A colheita do milho segunda safra e a performance produtiva. Grandes perdas estão sendo esperadas;

  • As exportações de grãos do Brasil, que estão em ritmo impressionante;

  • Os desdobramentos da crise hídrica, a forte melhora das perspectivas econômicas e os seus impactos no consumo do mercado interno, e os biocombustíveis. A aceleração da vacinação contra a Covid-19 também está trazendo a confiança de volta;

  • O bom desempenho da safra nos EUA, aparentemente com menos problemas climáticos, e alguma ameaça no ambiente político de se reduzir a mistura de biocombustíveis, contrariando o que era esperado da atual gestão. Isso poderá representar grande perda ao agro brasileiro;

A inflação de custos na agricultura, e possíveis preços menores de venda dos produtos com a recente valorização cambial e safras maiores no ciclo 2021/22. (Portal AGROLINK)


Upbeat Consulting | Upbeat MDC Consultoria Empresarial Ltda


Integrar disciplinas executando transições eficazes traz a vitória, no triathlon e nos negócios. Desenvolvemos soluções estratégicas que combinam capital humano, marketing e vendas. Maximizamos performance e proporcionamos resultados campeões para nossos clientes junto aos seus colaboradores, consumidores e acionistas atuando na gestão integrada de soluções em transições de carreira, de informação e de negócios.


Upbeat Consulting

Performance em transições de carreira, de informação e de negócios.

+55 11 5199 2919 | www.upbeatconsulting.net


Vamos com tudo!


Rodrigo N. Ferraz | rodrigo@upbeatconsulting.com.br

Ruben D.F. Ferraz | r.ferraz@upbeatconsulting.com.br


Tags: #serviços #tecnologia #alimentos #varejo #aconselhamentoparaqualquermomentodecarreira #vagasdifíceis #headhuntingvagasdifíceis #outboundhiring #boletimupbeatmdc #upbeatconsulting #energiasalternativas #vamoscomtudo #agronegocios #marketingparamarcasempregadoras