Últimas Notícias | 06 de outubro de 2021

Ano 14, Edição 066.


“Nenhum homem tem a memória suficientemente boa para ser um mentiroso de êxito.” (Abraham Lincoln)


Leia agora em nosso boletim:


Descoberta a fonte da memória notável dos superidosos

Rede D’Or compra Hospital Aeroporto na Bahia

Grupo Lavoro adquire a Produttiva Agronegócios

Syngenta leiloa biofábrica completa no Brasil



Descoberta a fonte da memória notável dos superidosos

À medida que envelhecemos, nossos cérebros normalmente passam por um lento processo de atrofia, enfraquecendo a comunicação entre as várias regiões neurais, o que eventualmente leva ao declínio da memória e de outras funções cognitivas. Mas um grupo raro de indivíduos mais velhos, chamados pelos cientistas de "superidosos", demonstrou a mesma capacidade de aprender e lembrar informações novas que um jovem de 25 anos. Pesquisadores do Hospital Geral de Massachusetts, nos EUA, recém identificaram a atividade cerebral que está por trás da ótima memória desses superidosos. "Usando a ressonância magnética, descobrimos que a estrutura dos cérebros dos superidosos e a conectividade de suas redes neurais se assemelham mais aos cérebros de adultos jovens; os superidosos evitaram a atrofia cerebral normalmente observada em adultos mais velhos," contou a professora Alexandra Touroutoglou, referindo-se ao trabalho anterior da equipe.





Capacidade seletiva – A equipe científica usou imagens de ressonância magnética funcional (fMRI), que, ao contrário da ressonância magnética comum, mostra a atividade de diferentes áreas do cérebro durante a realização de tarefas, e não apenas imagens estáticas. A equipe descobriu que os neurônios no córtex visual do cérebro dos adultos mais velhos que continuam "super" apesar do envelhecimento retêm sua capacidade seletiva e eficiente de processar estímulos visuais e criar uma memória distinta das imagens. "Os superidosos mantiveram o mesmo alto nível de diferenciação neural, ou seletividade, que um adulto jovem," acrescentou a pesquisadora Yuta Katsumi. "Seus cérebros lhes permitiram criar representações distintas das diferentes categorias de informação visual para que pudessem lembrar com precisão os pares imagem-palavra."


Intervenções - Estudos anteriores demonstraram que o treinamento pode aumentar a seletividade das regiões do cérebro, o que pode ser uma intervenção potencial para atrasar ou prevenir o declínio da diferenciação neural em adultos que envelhecem normalmente e tornar seus cérebros mais parecidos com os dos superidosos. Em um esforço desse tipo, neste momento, a equipe está conduzindo um ensaio clínico para avaliar se a estimulação eletromagnética não invasiva, que aplica uma corrente elétrica para áreas específicas do cérebro, pode melhorar a memória dos adultos mais velhos. Os pesquisadores também planejam estudar diferentes regiões do cérebro para entender melhor como os superidosos aprendem e se lembram, e examinarão o estilo de vida e outros fatores que podem contribuir para a incrível memória dos superidosos.


(Texto extraído do artigo científico entitulado “Greater Neural Differentiation in the Ventral Visual Cortex Is Associated with Youthful Memory in Superaging”, dos autores Yuta Katsumi, Joseph M Andreano, Lisa Feldman Barrett, Bradford C Dickerson e Alexandra Touroutoglou, publicado na revista Cerebral Cortex)


Rede D’Or compra Hospital Aeroporto na Bahia

A Rede D’Or informou nesta manhã, 06 de outubro, que adquiriu o Hospital Aeroporto, em Lauro de Freitas, Bahia, pelo valor de firma de 230 milhões de reais. A previsão de Ebitda para o Hospital Aeroporto é de 20 milhões de reais para os 12 meses subsequentes à operação, com parte das sinergias incorporadas. Segundo a Rede d’Or em fato relevante, o negócio “reforça o compromisso” da instituição com a sua estratégia de expansão e visão de longo prazo. A operação inclui o imóvel, sede do hospital, com potencial construtivo de expansão de, no mínimo, mais 200 leitos. Atualmente, o hospital conta com 85 leitos. (Portal Exame, com informações do site Fusões & Aquisições)


Grupo Lavoro adquire a Produttiva Agronegócios

A Lavoro, um dos maiores grupos latino-americanos formados por distribuidoras de insumos agrícolas, concluiu o processo de aquisição da Produttiva Agronegócios. Fundada em 2007, a Produttiva é líder de mercado no Noroeste de Minas Gerais, com foco nos mercados de feijão e cereais. Atualmente, a empresa conta com mais de 30 colaboradores, distribuídos em duas unidades nos municípios de Paracatu e Guarda-Mor. "Essa é a nossa primeira aquisição no estado de Minas Gerais e estamos muito felizes por marcar presença em um estado tão promissor para o agronegócio brasileiro. A chegada da Produttiva fortalece ainda mais nosso propósito de trabalhar pelo protagonismo do agricultor, solidificando o seu crescimento, imprescindível ao mundo", explica Marcelo Abud, CEO da Lavoro. A estratégia de negócios da empresa contempla o crescimento orgânico das suas unidades e a aquisição de empresas que tenham sinergia com a companhia, assim como a ampliação das áreas de atuação das investidas ou abertura de filiais.


A Lavoro - Entre as aquisições e fusões realizadas desde 2017 para a formação da Lavoro estão as seguintes redes: Lavoro Agrocomercial, Impacto Insumos Agrícolas, Agrovenci, Central Agrícola, América Insumos, AGSE, Gral e Cenagro, estas três empresas na Colômbia, Grupo Cultivar, Denorpi, Deragro, Futuragro, Integra Insumos, Grupo Pitangueiras, Plenafértil, Produtec, Qualicitrus, Realce, Produttiva, e AgroZap. Em todo o país, cerca de 2.500 funcionários são empregados por empresas que fazem parte do Grupo Lavoro. A conclusão da transação está sujeita à aprovação do CADE e de outras condições. A Lavoro foi criada em 2017 com foco em transformar o setor de distribuição de insumos agrícolas, através do fundo de investimentos Pátria, um dos maiores gestores de investimentos alternativos em países da América Latina. Focada na distribuição de sementes, fertilizantes e defensivos, a Lavoro tem matriz em Cuiabá, no Mato Grosso.

BRASIL


Syngenta leiloa biofábrica completa no Brasil

A multinacional agroquímica Syngenta anunciou que colocou a venda em leilão um complexo industrial de uma biofábrica completa. A planta tem área total de 488 mil m² e está localizada no município de Itápolis, interior de São Paulo. O local era utilizado pela multinacional para o desenvolvimento de mudas já tratadas contra doenças e pragas, simplificando o processo de plantio. O terreno é composto pela fábrica principal, prédios administrativos, galpões destinados à produção e armazenamento e outras construções de apoio. O complexo da biofábrica tem valor inicial para arremate de 21 milhões de reais e se destaca pela capacidade anual de produzir 15 milhões de mudas, sistema automatizado de fertirrigação, área in-vitro de 700 m² e boa localização, o complexo, às margens da SP-333, no município de maior PIB agrícola do país, com facilidade para o escoamento da produção.


A planta industrial - Pode ser empregada por diversos setores do mercado. Em seu estado original, o imóvel pode ser utilizado para a produção de mudas tratadas de cana-de-açúcar, café, flores, batata, banana, entre outros. Alternativamente, o imóvel também possui grande potencial para ser utilizado como parque fabril devido à existência de estrutura pronta no local e grande área com excelente topografia para construção. A empresa aceita ofertas de compra pela biofábrica e suas estruturas, disponíveis para visitação mediante agendamento prévio através do e-mail imoveis.sac@superbid.net, respeitando todas as normas dos órgãos sanitários. Para detalhes, acesse o link. (Portal AGROLINK)



Upbeat Consulting

Performance em transições de carreira, de informação e de negócios.

+55 11 5199 2919 | www.upbeatconsulting.net


Vamos com tudo!


Rodrigo N. Ferraz | rodrigo@upbeatconsulting.com.br

Ruben D.F. Ferraz | r.ferraz@upbeatconsulting.com.br


Tags: #serviços #tecnologia #alimentos #varejo #aconselhamentoparaqualquermomentodecarreira #vagasdifíceis #headhuntingvagasdifíceis #outboundhiring #boletimupbeatmdc #upbeatconsulting #energiasalternativas #vamoscomtudo #agronegocios #marketingparamarcasempregadoras