Últimas Notícias | 4 de janeiro de 2021

Atualizado: Jan 6

Ano 14, Edição 001.


Leia agora no nosso boletim:


Como ser mais feliz em 2021


UK officials defend contingency plan to mix COVID-19 vaccines in rare cases


Agricultores paulistas farão tratoraço contra alta do ICMS


"A alegria de fazer o bem é a única felicidade verdadeira." (Léon Tolstoi)



Como ser mais feliz em 2021

Ter uma aparência mais elegante, desenvolver a inteligência ou os conhecimentos e ter sucesso profissional em 2021? Pretende se esforçar mais para se exercitar, ligar mais para os amigos ou economizar um pouco? As resoluções de Ano Novo são tão onipresentes quanto difíceis de cumprir. Será então que faz sentido definir metas tão elevadas para 2021, esperando novamente a cada primeiro de janeiro que desta vez realmente algo será diferente? Qualquer pesquisador motivacional teria "sentimentos ambivalentes" sobre as resoluções de Ano Novo, diz Richard Ryan, professor de psicologia da Universidade de Rochester, nos EUA: "As evidências mostram que, na maioria das vezes, as pessoas não têm sucesso com elas."


Decisões para serem lembradas - O professor Ryan afirma que qualquer ocasião que nos dê a oportunidade de refletir sobre a vida é, em última análise, uma coisa boa - e nem precisa ser no Ano Novo, de forma que se pode rever os votos se nada tiver sido feito até o Carnaval, por exemplo. "Sempre que isso acontecer, se for realmente uma mudança reflexiva - algo em que você coloca seu coração - pode ser bom para as pessoas," disse ele.

E Ryan tem outra dica: Não pense só em você mesmo - o que se prova mais satisfatório, e também pode ser o mais necessário, são metas que envolvem doar aos outros. "Pense em como você pode ajudar," recomenda o psicólogo. "Há muita angústia por aí: Se pudermos definir metas que visam ajudar os outros, esses tipos de metas, por sua vez, também contribuirão para o nosso próprio bem-estar."



Satisfação em ajudar os outros - Não é por acaso que fazer o bem aos outros faz bem para você: Atos de boa vontade para ajudar os outros satisfazem todas as três necessidades psicológicas básicas, as necessidades de autonomia, competência e relacionamento. Autonomia, neste contexto, significa que você pode se envolver em atividades nas quais sinta verdadeira vontade e encontre valor pessoal na ação; competência significa sentir-se eficaz e ter um sentimento de realização; e, finalmente, relacionamento significa trabalhar e sentir-se conectado a outras pessoas. "Se você deseja fazer uma resolução de Ano Novo que realmente o deixe feliz, pense em maneiras de contribuir com o mundo," recomenda Ryan. "Todas essas três necessidades básicas são atendidas. As pesquisas mostram que ajudar não é bom apenas para o mundo, mas também muito bom para você." Ajudar estranhos é mais valoroso, desde que você não abandone um parente.


(Texto extraído do artigo científico “A configural approach to aspirations: The social breadth of aspiration profiles predicts well-being over and above the intrinsic and extrinsic aspirations that comprise the profiles” dos autores: Emma L. Bradshaw, Baljinder K. Sahdra, Joseph Ciarrochi, Philip D. Parker, Tamás Martos, Richard M. Ryan, publicado no Journal of Personality and Social Psychology)


UK officials defend contingency plan to mix COVID-19 vaccines in rare cases

According to a guidance update on December 31, the UK government will allow people to be given doses of different COVID-19 vaccines under certain circumstances, despite a lack of evidence about the extent of immunity offered by such mixing. The issue has sparked criticism after a report in The New York Times quoted Cornell University virologist John Moore as saying there is "no data on this idea whatsoever" and that UK officials "seem to have abandoned science completely now and are just trying to guess their way out of a mess." The UK has so far authorized two COVID-19 vaccines for emergency use. Pfizer and BioNTech's BNT162b2 was cleared in early December, with close to 1 million people having received their first dose, while AZD1222 from AstraZeneca and the University of Oxford was cleared last week, with the first doses due to be given starting January 4. Both vaccines consist of two-dose regimens given several weeks apart.


The UK government's "greenbook" on vaccinations – It says "every effort" should be made to complete the immunization course with the same vaccine. However, for people "who started the schedule and who attend for vaccination at a site where the same vaccine is not available, or if the first product received is unknown, it is reasonable to offer one dose of the locally available product to complete the schedule." The greenbook document noted that this mixing option is "preferred if the individual is likely to be at immediate high risk or is considered unlikely to attend again," although it acknowledged that there is "no evidence on the interchangeability of the COVID-19 vaccines," and that "studies are underway."


'Extremely rare' occasions - Mary Ramsay, head of immunizations at Public Health England, suggested that situations in which the second dose of a vaccine would be different from the first were likely to occur only on "extremely rare occasions." She added that in those circumstances it may be "better to give a second dose of another vaccine than not at all." Meanwhile, the new guidance differs from recommendations in the US, which has so far issued emergency-use authorizations to BNT162b2 as well as Moderna's mRNA-1273, another two-dose vaccine given several weeks apart. The Centers for Disease Control and Prevention said authorized COVID-19 vaccines "are not interchangeable," and that "the safety and efficacy of a mixed-product series have not been evaluated. Both doses of the series should be completed with the same product." Steven Danehy, a spokesman for Pfizer, noted that the company's Phase III study findings, which demonstrated efficacy of 95%, relied on a two-dose schedule of BNT162b2. "While decisions on alternative dosing regimens reside with health authorities, Pfizer believes it is critical health authorities conduct surveillance efforts on any alternative schedules implemented," he added.


Mix-and-match pilot trials - In December, the UK said that pilot trials were being planned to test whether a "mix-and-match" approach would offer better protection against SARS-CoV-2 infection. Specifically, rather than receiving two doses of the same vaccine, participants would receive one dose of either BNT162b2, which is mRNA-based, or AZD1222, which uses a replication-deficient chimpanzee viral vector, followed a few weeks later by a single dose of the vaccine they did not receive the first time around. Meanwhile, controversy was sparked again recently when the UK decided to space out the dosing regimens for both BNT162b2 and AZD1222 in a bid to vaccinate more people with at least one dose of vaccine, rather than prioritizing giving others their second shot. Pfizer has also called that decision into question, saying its two-dose regimen should be administered within the recommended 21-day interval as there are "no data" that a single jab offers sustained protection. (FirstWord Pharma newsletter - Anna Bratulic)


Agricultores paulistas farão tratoraço contra alta do ICMS

Agricultores da região de Jaboticabal, SP organizam para o dia 7 de janeiro um tratoraço em protesto à medida do governo do estado que retirou a isenção do ICMS Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços de vários produtos. Em outubro deste ano a Lei 17.293 alterou o regulamento de ICMS do estado, aumentando a carga tributária de diversos setores. A medida representa mais 4,14% de ICMS em insumos e produtos agropecuários; até 8,9% a mais nas carnes; até 8,4% no leite; e mais 12% sobre a energia elétrica no campo. Também estão na lista do aumento: o etanol, o diesel e hortifrutigranjeiros. A concentração deve começar a partir das 7 horas da manhã, em frente à COPLANA – Cooperativa Agroindustrial. Além da Cooperativa, participam da manifestação a Socicana, o Sicoob Coopecredi, o Sindicato Rural, a Associação Comercial, Industrial e de Agronegócios e a Câmara de Dirigentes Lojistas da cidade.


Impactos da medida - O presidente da COPLANA, Bruno Rangel Geraldo Martins, destaca que os impactos da medida serão sentidos em todas as cadeias produtivas e o efeito cascata levará a graves consequências para os custos de produção, além de inflacionar a cesta básica. “O aumento chegará direto aos supermercados, prejudicando a população. O agronegócio continua trabalhando com produtividade e contribui para a arrecadação do Estado, sem a necessidade de mais impostos. O governo deveria rever sua posição, principalmente neste momento de incertezas”, afirma.


O movimento dos agricultores cresce em todo o Estado de São Paulo - Entre as cidades que já confirmaram a manifestação para o dia 7, estão, além de Jaboticabal: Adamantina, Araçoiaba da Serra, Araraquara, Areias, Barretos, Biritiba-Mirim, Cachoeira Paulista, Cubatão, Cunha, Descalvado, Fartura, Fernandópolis, Franca, Ituverava, Jacareí, José Bonifácio, Louveira, Mogi das Cruzes, Monte Aprazível, Nova Granada, Pinhalzinho, Piracicaba, Piraju, Salesópolis, Santa Isabel, Suzano, Tupã e Vargem Grande do Sul. (Portal AGROLINK)


Upbeat Consulting | Upbeat MDC Consultoria Empresarial Ltda


Integrar disciplinas executando transições eficazes traz a vitória, no triathlon e nos negócios. Desenvolvemos soluções estratégicas que combinam capital humano, marketing e vendas. Maximizamos performance e proporcionamos resultados campeões para nossos clientes junto aos seus colaboradores, consumidores e acionistas atuando na gestão integrada de soluções em transições de carreira, de informação e de negócios.


Upbeat Consulting

Performance em transições de carreira, de informação e de negócios.

+55 11 5199 2919 | www.upbeatconsulting.net


Vamos com tudo!


Rodrigo N. Ferraz | rodrigo@upbeatconsulting.com.br

Ruben D.F. Ferraz | r.ferraz@upbeatconsulting.com.br



Tags: #serviços #tecnologia #alimentos #varejo #aconselhamentoparaqualquermomentodecarreira #vagasdifíceis #headhuntingvagasdifíceis #outboundhiring #boletimupbeatmdc #upbeatconsulting #energiasalternativas #vamoscomtudo #agronegocios